Desde o início da pandemia, chamou atenção em relação à COVID-19 a existência de grupos de risco, especialmente vulneráveis à infecção, principalmente os idosos e pessoas com comorbidades, que apresentavam elevados índices de letalidade.

No momento atual, as gestantes e puérperas também fazem parte desta categoria de risco frente à COVID-19.

Por essa razão, no Brasil, o Ministério da Saúde orienta que gestantes e puérperas até o 14º dia de pós-parto devem ser consideradas GRUPOS DE RISCO PARA COVID-19.

Sendo assim, a importância dessa cartilha é informar e atualizar as gestantes e puérperas quanto ao contexto pandêmico e sua relação com o acesso, situação e assistência à saúde.

Confira a Cartilha de recomendações para gestantes e puérperas frente à pandemia da COVID-19 (1)

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *