Boletim Secretaria estadual de Saúde – novo coronavírus

WhatsApp Image 2021-10-27 at 17.52.26
A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) registrou, nesta quarta-feira (27/10), 566 casos da Covid-19. Entre os confirmados hoje, 46 (8%) são casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e 520 (92%) são leves. Agora, Pernambuco totaliza  629.789 casos confirmados da doença, sendo 54.471 graves e 575.318 leves, que estão distribuídos por todos os 184 municípios pernambucanos, além do arquipélago de Fernando de Noronha.

Além disso, o boletim registra um total de 568.110 pacientes recuperados da doença. Destes, 33.316 eram pacientes graves, que necessitaram de internamento hospitalar, e 534.794 eram casos leves.

Também foram confirmados laboratorialmente 11 óbitos (8 masculinos e 3 femininos), ocorridos entre os dias 06/09/2020 e 25/10/2021. As novas mortes são de pessoas residentes dos municípios de Belo Jardim (1), Camaragibe (1), Olinda (1), Recife (7) e Santa Maria da Boa Vista (1). Com isso, o Estado totaliza 19.970 mortes pela doença.

Os pacientes tinham idades entre 35 e 90 anos. As faixas etárias são: 30 a 39 (1), 60 a 69 (4), 70 a 79 (2) e 80 e mais (4). Do total, dez tinham doenças preexistentes: doença cardiovascular (6), diabetes (4), obesidade (2), hipertensão (1), histórico de tabagismo (1), doença respiratória (1), doença renal (1), e imunossupressão (1) – um paciente pode ter mais de uma comorbidade. O outro segue em investigação.

MULTIVACINAÇÃO – Encerra nesta sexta-feira (29/10) a Campanha de Multivacinação para Atualização da Caderneta de Vacinação de crianças e adolescentes menores de 15 anos. Pernambuco segue sem atingir a meta de cobertura mínima para as vacinas indicadas para proteção desses públicos. A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) destaca a importância da atualização vacinal para evitar a ocorrência dessas doenças imunopreveníveis, inclusive a reintrodução da poliomielite, que há muito tempo não é identificada no país, mas que circula em outras regiões do mundo. Todos os imunobiológicos que fazem parte da campanha já constam no esquema básico de rotina das mais de 2,4 mil salas de vacinação presentes no território estadual e que funcionam durante todo o ano.

“É um público que precisa de atenção. Estamos há alguns anos com as coberturas vacinais caindo, e isso se intensificou com o cenário de pandemia, quando as pessoas se sentiram receosas em buscar os serviços de saúde. Então, precisamos, nesse momento, que os pais e responsáveis levem seus filhos até a unidade de saúde mais próxima de sua residência e atualizem sua caderneta de vacinação. Aproveitamos também para lembrar que vacinas, como da poliomielite, coqueluche, meningite e sarampo, são vacinas importantíssimas e que precisamos manter as altas coberturas para evitar o aumento de casos, e até mesmo, a reintrodução do vírus da poliomielite, por exemplo”, detalha a superintendente de Imunizações do Estado, Ana Catarina de Melo.

Atualmente no Estado, a cobertura vacinal para os imunizantes direcionados para o público menor de 1 ano de idade está estabelecida desta maneira: BCG (72,13%), pneumocócica (68,65%), pentavalente (66,87%), poliomielite (66,62%), meningocócica (65,44%) e rotavírus humano (65,05%).

Para os maiores de 1 ano de idade, a situação segue o mesmo perfil: hepatite A (62,89%), tríplice viral – D1 e D2 (72,21% e 44,03), meningococo C (66,32%), pneumocócica (66,10%), poliomielite – 1º reforço (51,99%) e 2ª reforço (40,11%), dTp – 1º reforço (57,58%) e 2ª reforço (47,27%) e varicela (63,87%)

A superintendente de imunizações relembra que o Estado de Pernambuco, desde o início de 2020, ampliou a oferta da vacinação contra a febre amarela para todos os residentes do Estado. Com a recomendação nacional, todo o brasileiro, independente de realização de viagem para áreas consideradas de risco, podem ser imunizados contra a doença. “É imprescindível aproveitar a oportunidade da campanha para avaliar a situação vacinal das crianças e adolescentes, e até mesmo do público adulto, para buscar os postos de vacinação e receber sua dose”, finaliza.

Para as crianças abaixo de 7 anos, as unidades disponibilizam os seguintes imunizantes: BCG, hepatite B, pentavalente, poliomielite, rotavírus, pneumocócica 10, meningocócica C, febre amarela, tríplice viral, varicela, hepatite A e DTP. A partir dos 7 anos, até os menores de 15, podem ser feitas as doses da hepatite B, febre amarela, meningocócica ACWY, HPV e varicela.

BALANÇO DA VACINAÇÃO – Pernambuco já aplicou 11.674.546 doses de vacinas contra a Covid- 19 na sua população, desde o início da campanha de imunização no Estado (no dia 18 de janeiro de 2021).

Com relação às primeiras doses, foram 6.828.374 aplicações (cobertura de 88,77%). Do total, 4.589.394 pernambucanos (59,66%) já completaram seus esquemas vacinais, sendo 4.416.321 pessoas que foram vacinadas com imunizantes aplicados em duas doses e outros 173.073 pernambucanos que foram contemplados com vacina aplicada em dose única. Em relação às doses de reforços (terceira dose), já foram aplicadas 256.778 doses.

Outras informações detalhadas sobre a população vacinada contra a Covid-19 estão disponíveis no Painel de Acompanhamento Vacinal, que pode ser acessado pelo https://bit.ly/3xteooh. No ambiente on-line, há as coberturas por grupo e por municípios, doses aplicadas x distribuídas por cidade, perfil dos vacinados (sexo, raça/cor). Há, ainda, as bases de dados para download.
Confira o boletim completo: https://cutt.ly/ARFM1yb
Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Copyright © Governo do Estado de Pernambuco. Todos os direitos reservados – 2020

Para cancelar o recebimento dos boletins de WhatsApp do Governo de Pernambuco, informe seu telefone (com DDD).

Skip to content