Boletim Secretaria de Saúde do Estado – n° de casos

WhatsApp Image 2020-09-09 at 17.36.10

A Secretaria Estadual de Saúde (SES-PE) registrou, nesta quarta-feira (09.09), 989 novos casos da Covid-19. Entre os confirmados hoje, apenas 45 (4,5%) são casos de Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) e os outros 944 (95,5%) são leves, ou seja, pacientes que
não demandaram internamento hospitalar. Agora, Pernambuco totaliza 133.579 casos confirmados, sendo 25.658 graves e 107.921 leves.

Confira os detalhes: https://bit.ly/35kCBTl 

Além disso, o boletim registra um total de 115.800 pacientes recuperados da doença. Destes, 15.168 eram pacientes graves, que necessitaram de internamento hospitalar, e 100.632 eram casos leves. Os casos graves confirmados da doença estão distribuídos por todos os 184 municípios pernambucanos, além do arquipélago de Fernando de Noronha.

Também foram confirmados laboratorialmente 23 óbitos (sendo 16 do sexo feminino e 7 do sexo masculino). Os novos óbitos confirmados são de pessoas residentes nos municípios de Arcoverde (1), Brejo da Madre de Deus (1), Cabo de Santo Agostinho (1), Camaragibe (1),
Garanhuns (1), Glória do Goitá (1), Jaboatão dos Guararapes (4), Olinda (1), Passira (1), Paulista (2), Recife (4), Salgueiro (1), São José do Belmonte (1), Serra Talhada (1), Surubim (1) e Timbaúba (1). Com isso, o Estado totaliza 7.764 mortes pela doença.

As mortes registradas no boletim de hoje ocorreram entre 2 de maio e 8 de setembro. Do total de mortes do informe de hoje, 6 (26%) ocorreram nos últimos 3 dias, sendo 1 registrada no dia de ontem (terça, 08/09), 4 em 07/09 e 1 em 06/09. Os outros 17 registros (74%)
ocorreram entre os dias 02/05 e 05/09.

Os pacientes tinham idades entre 24 e 94 anos, além de um bebê recém-nascido do sexo feminino. As faixas etárias são: 0 a 9 (1), 20 a 29 (1), 30 a 39 (1), 40 a 49 (1), 50 a 59 (1), 60 a 69 (6), 70 a 79 (5), 80 anos ou mais (7). Dos 23 pacientes que vieram a óbito, 15 apresentavam comorbidades confirmadas: doença cardiovascular (12), diabetes (6), hipertensão (3), obesidade (2), câncer (2), histórico de AVC (1), doença respiratória (1), doença renal (1), dislipidemia (1) e tabagismo (1) – um paciente pode ter mais de uma comorbidade. Um não tinha doenças pré-existentes confirmadas e os demais estão em investigação.

Com relação à testagem dos profissionais de saúde com sintomas de gripe, em Pernambuco, até agora, 21.117 casos foram confirmados e 34.194 descartados. As testagens entre os trabalhadores do setor abrangem os profissionais de todas as unidades de saúde, sejam da
rede pública (estadual e municipal) ou privada. O Governo de Pernambuco foi o primeiro do país a criar um protocolo para testar e afastar os profissionais da área da saúde com sintomas gripais.

ATENDE EM CASA – A ferramenta já conta com mais de 123,3 mil usuários cadastrados em todas as regiões de saúde do estado. Ao todo, após teleorientação, mais de 13,1 mil pessoas foram orientadas a procurar uma unidade de saúde mais próxima da sua residência, e mais
de 23,2 mil a permanecer em isolamento domiciliar. As ações iniciaram com a oferta de teleorientação com ênfase nas síndromes gripais e Covid-19. Com o desenvolvimento do serviço e a necessidade de ampliar medidas de prevenção e controle da infecção pelo novo
coronavírus, iniciaram-se as ações de telemonitoramento, ou seja, a busca ativa e acompanhamento dos usuários confirmados, casos suspeitos ou de risco elevado para Covid19. Esta etapa de telemonitoramento teve início em 12 de junho e até o dia 6 de setembro já
realizou 8.090 atendimentos. Ao todo, a população de 146 municípios pode realizar a marcação do exame por meio do Atende em Casa. A lista dos municípios que estão oferecendo testagem com marcação através do Atende em Casa está disponivel no site da
Secretaria Estadual de Saúde (http://portal.saude.pe.gov.br/).

Compartilhar no facebook
Facebook
Compartilhar no twitter
Twitter
Compartilhar no whatsapp
WhatsApp

Copyright © Governo do Estado de Pernambuco. Todos os direitos reservados – 2020

Para cancelar o recebimento dos boletins de WhatsApp do Governo de Pernambuco, informe seu telefone (com DDD).

Skip to content